quarta-feira, janeiro 19, 2022
Mais

    Sefaz Mato Grosso alerta sobre prazos para emissão de NF-e, NFC-e e CT-e em contingência

    01/04 – Sefaz MT

    1 164

    Quando em decorrência de problemas técnicos não for possível transmitir os documentos fiscais eletrônicos para a SEFAZ/MT, ou obter resposta à solicitação de Autorização de Uso, o contribuinte poderá operar em contingência, gerando arquivos com indicação deste tipo de emissão, conforme definições constantes no ‘Manual de Orientação do Contribuinte¿ de NF-e, NFC-e e CT-e.
    Para que venha a ser considerado válido, o documento fiscal eletrônico gerado em contingência deve ser transmitido para a SEFAZ/MT imediatamente após a cessação dos problemas técnicos, e até o prazo limite de 168 (cento e sessenta e oito) horas, contado a partir da emissão da NF-e e do CT-e, e em até 24 (vinte e quatro) horas quando se tratar de NFC-e. 
    Os referidos prazos estão expressos no § 6º do art. 15 da Portaria 163/2007 (NF-e), no § 5º do art. 17 da Portaria 336/2012 c/c § 6° da cláusula décima terceira do Ajuste SINIEF 9/2007 (CT-e), e no art. 18 da Portaria 77/2013 (NFC-e), ressaltando-se que o contribuinte que não promova a autorização do documento fiscal gerado em contingência, dentro do prazo estabelecido na legislação, está sujeito a aplicação das penalidades previstas, por descumprimento de obrigação acessória.

    Contabilidade na TV
    Informações pertinentes ao dia-a-dia dos profissionais contábeis. Notícias contábeis diárias, vídeos de eventos contábeis e conteúdos específicos para o contador!

    Comentários

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Posts Relacionados

    Populares

    spot_imgspot_img
    ×

    CADASTRE-SE NA NEWS

    Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

    OBRIGADO

    POR SE INSCREVER!