terça-feira, novembro 30, 2021
Mais

    Na crise, oportunidades para empreendedores e contadores!

    Embora saibamos do cenário caótico de limitações, prejuízos e especialmente de mais de 550 mil mortes em decorrência da COVID-19, esse um ano e meio de pandemia no Brasil trouxe grandes desafios e oportunidades de evolução para os setores empreendedor e contábil.

    Dados oficiais do Mapa de Empresas, ferramenta digital do Ministério da Economia, que acompanha os processos de registro empresarial no Brasil, revelam que em 2020 foram abertas 3,359 milhões de empresas frente a 1,044 milhão que foram fechadas. Segundo o governo, o número de aberturas nesse período é o maior da série histórica, desde o ano de 2010.

    É fato que o nosso país tem um dos piores indicadores de abertura de empresas, contudo, muito se tem evoluído nos últimos anos e a crise sanitária do novo coronavírus atuou como um catalisador desse processo, intensificando principalmente a digitalização de procedimentos atrelados a órgãos públicos, como fazendas estaduais e municipais.

    Como grandes usuários dos seus serviços, os contadores têm sentido e sido fortemente impactados pela melhoria do atendimento das juntas comerciais, órgão de extrema relevância para o ambiente empreendedor. Antes tidas como meramente cartoriais e impedidoras do sucesso do empresário, já há algum tempo vêm em um processo de modernização, entretanto, a pandemia acelerou a adoção da digitalização e de novas tecnologias no intuito de simplificar e agilizar os trâmites e, assim, de amparar e ajudar os empreendedores em um momento bem difícil, o que foi feito com muito sucesso, tendo em vista que, os usuários puderam ser atendidos de forma eficiente em suas casas, escritórios ou qualquer outro lugar.

    O aumento expressivo do número de novas empresas pode ainda ser justificado pelo alto índice de desemprego e uma nova postura exigida pela pandemia. Muitos profissionais, com vontade de empreender, mas na zona de conforto do emprego, foram encorajados a abrirem seus negócios nesse período. Pesquisa do Global Entrepreneurship Monitor (GEM) 2020 mostrou que 83% dos empreendedores nascentes foram motivados em razão dos empregos escassos. O grupo que mais cresceu no empreendedorismo foi o de pessoas mais velhas, com mais de 115% de aumento em relação ao ano anterior, seguido da parcela da população entre 18 e 24 anos, com aumento de 55%, e de mulheres, com uma expansão de 49%.

    Outro cenário impactado positivamente foi o de legalidade. Os empreendedores informais não tiveram acesso à políticas públicas de enfrentamento às consequências da pandemia, como o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda, o BEM, e o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, o Pronampe. Dessa forma, houve um movimento de formalização, especialmente dos pequenos negócios.

    Em todo esse cenário, o contador potencializou ainda mais o seu papel de parceiro dos negócios, orientador e propulsor do sucesso das empresas. Nesse período difícil de pandemia, o empreendedor tem enxergado o profissional contábil como aquele que pode auxiliá-lo a sobreviver às intempéries e, por que não, enxergar oportunidades em um ambiente de instabilidade.

    O fato é que toda crise vem carregada de oportunidades para aquele que tem um olhar diferenciado, tem coragem de arriscar e quer fazer a diferença. Nesta fase atual, de retomada, de avanço na vacinação contra a COVID-19, abrem-se mais uma vez novas portas para quem tem esse perfil. O contador, que teve a sua atuação reconhecida nos tempos de incertezas, tem à sua frente muitos caminhos para uma jornada de sucesso e credibilidade.

    Equipe Contabilidade na TV

    O conteúdo deste texto foi extraído do debate promovido pelo Programa “Delas, Para Elas” realizado em 3 de agosto e que debateu o tema: “Caminhos para a simplificação dos processos de abertura e fechamento de empresas”.

    Assista a íntegra do bate-papo em: https://youtu.be/LD41_wxooKg

    Ficha técnica do programa:

    Apresentação e mediação:
    * Magda Battiston, jornalista e produtora executiva do Portal Contabilidade na TV.
    * Ana Meneguini, criadora da ITM, Estratégia de Marca & Cultura para Diferenciação Competitiva

    Participações:
    * Dra. Alzenir Porto – presidente da Fenaju e da Jucepi
    * Cilene Sabino – Presidente da Jucepa
    * Angela Dantas – Coordenadora da Região Nordeste da Comissão Nacional da Mulher Contabilista

    🔒 Patrocínio @fenacon_oficial & @sci_sistemas_contabeis

    😉 *WHATSAPP NEWS*
    👉 Entre em nossa lista de transmissão para receber notícias contábeis via Whatsapp: https://bit.ly/3iAdizF

    🤩 *TELEGRAM*
    👉 Canal de Notícias CONTNEWS: https://t.me/contnews
    👉 Canal de Notícias A REFORMA TRIBUTÁRIA: https://t.me/areformatributaria
    👉 Canal de Notícias MULHER CONTADORA: https://t.me/mulhercontadora

    Contabilidade na TV
    Informações pertinentes ao dia-a-dia dos profissionais contábeis. Notícias contábeis diárias, vídeos de eventos contábeis e conteúdos específicos para o contador!

    Comentários

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Posts Relacionados

    Populares

    spot_imgspot_img
    ×

    CADASTRE-SE NA NEWS

    Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

    OBRIGADO

    POR SE INSCREVER!