quarta-feira, outubro 13, 2021
Mais

    Multas de trânsito são de responsabilidade pessoal e podem ser descontadas do salário do motorista, defende TRT-4

    A 4ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT-4) decidiu, por unanimidade, que empresas podem descontar o valor de multas de trânsito do salário de seus motoristas. A decisão reforçou a responsabilidade pessoal do condutor do veículo, afastando assim a necessidade da empresa em devolver os valores descontados para quitação do débito.

    Segundo o desembargador George Achutti, relator do acórdão, o motorista tem o dever de cumprir a legislação de trânsito e, em casos de infração, deve ser o responsável em responder pelas penalidades.

    “As multas por infração às leis de trânsito constituem penalidade, sendo responsabilidade pessoal e exclusiva do condutor do veículo, no caso, o autor, não podendo ser imputadas à reclamada. O desconto correspondente às multas aplicadas, ainda que as infrações tenham ocorrido quando o empregado estava a serviço do empregador, não viola a intangibilidade salarial”, destacou o magistrado.

    Contabilidade na TV
    Informações pertinentes ao dia-a-dia dos profissionais contábeis. Notícias contábeis diárias, vídeos de eventos contábeis e conteúdos específicos para o contador!

    Comentários

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Posts Relacionados

    Populares

    spot_imgspot_img
    ×

    CADASTRE-SE NA NEWS

    Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

    OBRIGADO

    POR SE INSCREVER!