quinta-feira, agosto 5, 2021
More

    Dicas valiosas para contribuintes e contadores no CONTNEWS dessa semana

    Como faturar mais com imposto de renda, cumprir corretamente as obrigações acessórias ou proceder sobre bitributação, além de dicas de aprimoramento profissional. O CONTNEWS de quarta-feira, 9 de junho, reuniu especialistas e renomados nomes da contabilidade para tratar de temas atuais e dar dicas técnicas e de gestão valiosas para contribuintes e contadores.  

    O presidente do SESCON-SP, Reynaldo Lima Jr., falou do 2º Encontro Regional On-line do Sescon-SP, que será realizado ainda esse mês; o CEO da Patwork e da ConferIR, Maurício Tadeu de Luca, apresentou técnicas de vendas para o contador lucrar com IRPF ainda em 2021; a empresária e consultora contábil Joseane Portugal alertou sobre alguns cuidados sobre a transmissão do SPED Contábil; a analista de Negócios da SCI, Cleide Souza, trouxe novidades sobre o eSocial; e a sócia e criadora do Blog Siga o Fisco, Jô Nascimento, alertou sobre o fim da guerra entre Estados e Municípios sobre a tributação de softwares. 

    Aprendizado e transformação

    O home office veio para ficar? Como ficará o trabalho remoto no pós-pandemia? Quais questões legais precisam ser consideradas? E a saúde mental, que cuidados precisamos tomar após esse extenso período de isolamento social e suas implicações? O 2° Encontro Regional On-line, que será realizado pelo SESCON-SP entre 22 e 25 de junho, abordará todas essas questões e muito mais. O presidente da entidade, Reynaldo Lima Jr., participou do CONTNEWS e deu detalhes sobre o evento. “Um evento regional que hoje, em virtude do cenário que estamos vivendo, transformou-se em evento amplo, permitindo a participação de profissionais e empresários de qualquer parte do país e do mundo”, disse o líder setorial, ao destacar que a programação foi feita com base nas dores, nas necessidades do dia a dia da atividade e nas aspirações dos empresários e profissionais da contabilidade, pensando em oferecer aprendizado e dicas para a melhoria do exercício da profissão. 

    Com o tema “Aprendizado e Transformação”, o evento traz ainda em sua programação a palestra “Autovalorização e posicionamento do profissional contábil”. Para Reynaldo Lima Jr., essa temática é de grande relevância para a classe contábil. “Lidamos com a alta complexidade tributária brasileira, somos aplicadores da legislação em meio a informações desencontradas e confusas, transitamos por todas as atividades e auxiliamos as empresas no seu desenvolvimento, por isso, precisamos estar cientes do importante papel que exercemos, devemos nos posicionar e buscar esse reconhecimento”, ressaltou o líder setorial.

    Mais informações sobre o 2° Encontro Regional On-line em: www.sescon.org.br.

    Rentabilidade com IRPF ainda em 2021

    Passado o prazo para a entrega da declaração, ainda dá tempo de lucrar com IRPF em 2021? O CEO da Patwork e da ConferIR, Maurício Tadeu de Luca, falou da aplicação de duas técnicas de vendas que podem auxiliar as empresas de contabilidade a terem mais rentabilidade e lucrar com imposto de renda ainda este ano. “São técnicas simples de serem implantadas e os resultados podem ser bastante positivos”, destacou.

    A primeira técnica apontada pelo especialista em IR é o Cross selling, conhecida como venda cruzada, quando a empresa oferece um produto ou serviço complementar à solução que o cliente já adquiriu. “O empresário contábil pode cobrar um pouco mais pelo cumprimento da obrigação e agregar o acompanhamento da sua situação no eCAC ou um planejamento tributário para o contribuinte pagar menos imposto no ano seguinte”, explicou.  Já o Up selling é uma espécie de upgrade do serviço, quando a oferta é uma melhoria expressiva na solução que o cliente já possui. “Um exemplo é oferecer um combo com o cumprimento da obrigação mais o acompanhamento no e-CAC e um planejamento financeiro baseado nos dados da DIRPF, que pode potencializar os investimentos do cliente”, esclareceu, ao ressaltar que esses processos podem ser auxiliados com ferramentas automáticas. “Além de incrementar o faturamento, essas práticas podem melhorar a experiência do cliente”, acrescentou.

    Cuidados com o SPED Contábil

    Finalizada a temporada de DIRPF, as empresas contábeis se veem agora envolvidas na entrega da Escrituração Contábil Digital, cujo prazo foi prorrogado de 31 de maio para o último dia útil do mês de julho, em virtude da pandemia de COVID 19. A empresária e consultora contábil Joseane Portugal alertou sobre alguns cuidados importantes na transmissão e no cumprimento da obrigação acessória. “Eu presto consultoria para muitos escritórios de contabilidade e observo sempre os mesmos erros na geração do arquivo”, disse ela, ao destacar a importância de confirmar data de constituição, conferir dados cadastrais da empresa e se ela possui NIRE ou se houve conversão, além de verificar o número do último Livro Diário. “O mais importante, contudo, é verificar o fechamento contábil. Sem isso, não há como fazer a transmissão”, alertou a especialista, ao apontar ainda a relevância de conferir os parâmetros das demonstrações contábeis, verificar quem são os assinantes da escrituração, e, após validar o arquivo no PGE, realizar as conferências no programa.

    Joseane alertou ainda para uma novidade surgida este ano: todos os fiscos, das diferentes esferas, terão acesso às informações da contabilidade da empresa. “Muitas vezes o contador acredita que vai enviar o arquivo e ninguém vai olhar, ou apenas a Receita Federal, entretanto, agora esses dados estarão disponíveis para prefeituras, estados, Previdência e outros órgãos fiscalizadores. É importante ter sempre isso em mente”.

    Atualizações do eSocial

    Após a divulgação aqui no CONTNEWS, foi oficializado, por meio de nota no Portal do eSocial, o adiamento do envio de eventos relacionados a pessoas físicas e a Saúde e Segurança do Trabalho até a implantação da versão S-1.0 do eSocial, que foi reprogramada. “Esses eventos serão recebidos pelo eSocial somente no leiaute simplificado e essa nota veio para orientar os contribuintes, que estavam em dúvida sobre o que e quando enviar os dados”, disse a analista de Negócios da SCI, Cleide Souza, ressaltando que a nova data ainda será informada, por meio de portaria. 

    Em contrapartida, Cleide alertou as pessoas jurídicas, incluídas no Grupo 3, para a obrigatoriedade de envio da folha de pagamento a partir da competência maio, que pode ser entregue até 15 de junho. 

    A especialista esclareceu ainda sobre a classificação tributária do Simples Nacional, que deve constar no evento S-1000. Para isso, é importante que o contribuinte entenda o significado das três opções do sistema: a classificação 1, que trata de quando a tributação previdenciária é substituída, que não tem recolhimento patronal; classificação 2, que aborda a tributação previdenciária não substituída, ligada ao anexo 4; e a classificação 3, das empresas que têm tributação tributária substituída e não substituída. “É essa última classificação que vem causando muitas dúvidas aos contribuintes. Elas têm o recolhimento dos 20% patronal mais RAT sobre o percentual de faturamento e o INSS retido dos segurados, mas é preciso observar se toda a empresa se enquadra nessa classificação, com a concomitância dos anexos”. 

    Software: tributação após decisão do STF

    A guerra entre estados e prefeituras no que diz respeito à tributação de softwares está perto do fim. Em julgamento realizado em fevereiro último, o Superior Tribunal Federal apresentou novo posicionamento em relação a tributação de software e excluiu a incidência do ICMS sobre operações que envolvam o licenciamento ou a cessão de direito de uso de programas de computador, decidindo que há incidência apenas de ISS. A sócia e criadora do Blog Siga o Fisco, Jô Nascimento, explicou que, antes da decisão, os estados cobravam ICMS sobre os chamados softwares de prateleira e, em muitos casos, os contribuintes sofriam bitributação. “Havia muita insegurança jurídica em relação ao tema, mas agora o entendimento vale tanto para o produto de prateleira como para o fornecido sob encomenda.”, explicou.

    A consultora pediu especial atenção dos contribuintes com a legislação do seu estado, pois muitos ainda não alteraram suas leis de acordo com a decisão e se pronunciam por respostas a consultas tributárias. “Agora, o contribuinte que pagou ICMS e ISS tem direito ao ressarcimento do ICMS pelo estado e o contribuinte que não pagou nenhum dos tributos terá de recolher apenas ISS sobre a operação”, orientou ela,  ressaltando que as prefeituras não podem cobrar o tributo de quem pagou o ICMS.

    Não perca todas as dicas e informações, acesse a íntegra da edição, apresentada pela jornalista e produtora executiva do Canal Contabilidade na TV, Magda Battiston, em https://youtu.be/8z3zNDuknrk.

    😉 *WHATSAPP NEWS*
    👉 Entre em nossa lista de transmissão para receber notícias contábeis via Whatsapp: https://bit.ly/3iAdizF

    🤩 *TELEGRAM*
    👉 Canal de Notícias CONTNEWS: https://t.me/contnews
    👉 Canal de Notícias A REFORMA TRIBUTÁRIA: https://t.me/areformatributaria
    👉 Canal de Notícias MULHER CONTADORA: https://t.me/mulhercontadora

    🤩 *FACEBOOK GRUPOS*
    👉 MULHERES CONTADORAS: https://www.facebook.com/groups/mulhercontadora
    👉 REFORMA TRIBUTÁRIA: https://www.facebook.com/groups/reformatributaria2020

    🧞‍♂️ *SOCIAL MÍDIA*
    👊 PORTAL: www.contabilidadenatv.com.br
    👊 YOUTUBE: https://www.youtube.com/user/contabilidadenatv
    👊 INSTAGRAM: https://www.instagram.com/contabnatv/
    👊FACEBOOK: https://www.facebook.com/contabilidadenatv/
    👊TWITTER: https://twitter.com/contabnatv
    👊 LINKEDIN: https://br.linkedin.com/company/contabilidadenatv

    Avatar Youtube
    Contabilidade na TV
    Informações pertinentes ao dia-a-dia dos profissionais contábeis. Notícias contábeis diárias, vídeos de eventos contábeis e conteúdos específicos para o contador!

    Comentários

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Posts Relacionados

    Populares

    spot_imgspot_img

    CADASTRE-SE NA NEWS

    Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

    OBRIGADO

    POR SE INSCREVER!