quinta-feira, agosto 5, 2021
More

    Considerações sobre a tendência do uso da contabilidade gerencial

    11/11 – Carla Lidiane Müller para Notícias Contábeis do Contabilidade na TV*
    1 19
    Para a contabilidade atender as empresas de todos os portes, prestar serviços de consultoria, executar os serviços contábeis e dar o suporte necessário as empresas são vantagens que são muito prezadas. Elas mostram para os empresários que a contabilidade é um forte parceiro para melhorar a gestão de uma empresa e sua capacidade econômica.
    Seja cuidando das transações realizadas na empresa, ou auxiliando os gestores nos processos de decisões. Para que uma empresa possa ter um diferencial competitivo, ela precisa de informações estratégicas, e estas informações seguras para a tomada de decisão proativa vem dos dados contábeis.
    Se as finanças de um estabelecimento estão limitadas, o contador vai saber demonstrar os motivos, e vai apontar caminhos para solucionar esses problemas, como alteração da tributação da empresa, elaborar um orçamento para gastos futuros, tudo isso respeitando os princípios da contabilidade e da tributação, para que a empresa não fique em desacordo com nenhuma exigência legal.
    Então, é preeminente a todas essas necessidades de uma empresa que o contador saiba não somente analisar os indicadores financeiros e não financeiros de uma empresa, mas também saber utilizá-los para ajudar as empresas a controlar suas entradas e gastos. Ou seja, é preciso explorar mais a contabilidade gerencial dentro das empresas.
    No caráter doutrinário a contabilidade gerencial é considerada um sistema de registro e apuração da riqueza de uma empresa, ou seja, vai além do mero estudo do patrimônio. O uso de práticas da contabilidade gerencial necessita das rotinas contábeis, pois através delas é possível compreender e demonstrar melhor alguns dados e resultados úteis aos gestores.
    Interpretar resultados de uma empresa consiste em analisar as demonstrações contábeis, os indicadores financeiros e não financeiros, e fazer uso de ferramentas como Balanced Scorecard, Benchmarketing, e outros relatórios conforme a necessidade dos administradores.
    Os dados dos relatórios da contabilidade quando transformados em relatórios gerenciais, mostrarão aos gestores de maneira mais dinâmica as origens, aplicações e modificações na situação financeira da empresa.
    Isso fará com que a administração conte mais com a contabilidade como sua principal fonte de informação.
    *Carla Lidiane Müller – Bacharel em Ciências Contábeis, cursando MBA em Direito Tributário. Trabalha na SCI Sistemas Contábeis como Analista de Negócios e é articulista do Blog Contabilidade na TV desde 2016.
    Carla
    Carla Lidiane Müller
    Bacharel em Ciências Contábeis, com MBA em Direito Tributário, cursando especialização em Contabilidade e Gestão de Tributos. Trabalha na SCI Sistemas Contábeis como Analista de Negócios e é articulista do Blog Contabilidade na TV desde 2016.

    Comentários

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Posts Relacionados

    Populares

    spot_imgspot_img

    CADASTRE-SE NA NEWS

    Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

    OBRIGADO

    POR SE INSCREVER!