terça-feira, janeiro 18, 2022
Mais

    Aposentadoria doméstica depende de planejamento

    13/06 – Verônica Lugarini
    – DCI / Fenacon

    pecdasdomesticas 1

    A empregada doméstica não é apenas uma trabalhadora, ela também cuida da sua família e, muitas vezes, até faz parte dela. Por isso, na hora da aposentadoria o empregador pode ajudá-la a se aposentar da melhor forma possível, tanto por orientação, quanto financeiramente.

    Para isso, especialistas consultados pelo DCI indicam que o primeiro passo para o empregador é compreender como funciona o processo de solicitação da aposentadoria doméstica e o que se pode fazer para orientar a empregada.

    Para se aposentar, o empregado doméstico obedece às mesmas leis dos trabalhadores e podem se aposentar com a regra 85/95 progressiva, que para as mulheres que querem se aposentar até o fim de 2018, é preciso somar o tempo de contribuição com a idade, até atingir um total de 85 pontos. No caso dos homens, a soma deve ser de 95 pontos, com tempo mínimo de contribuição previdenciária de 30 anos para mulheres e de 35 anos para os homens.

    Outra forma é a aposentadoria por idade, assim, a mulher precisa ter 60 anos e o homem 65 anos, ambos com no mínimo 15 anos de contribuição.

    Clique aqui para continuar lendo.

    Contabilidade na TV
    Informações pertinentes ao dia-a-dia dos profissionais contábeis. Notícias contábeis diárias, vídeos de eventos contábeis e conteúdos específicos para o contador!

    Comentários

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Posts Relacionados

    Populares

    spot_imgspot_img
    ×

    CADASTRE-SE NA NEWS

    Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

    OBRIGADO

    POR SE INSCREVER!