Jucec inicia projeto piloto de teletrabalho

0
257

O projeto prevê que os servidores que aderiram ao projeto tenha aumento de 20% na produtividade, garantindo maior agilidade à análise de registros empresariais.

A Junta Comercial do Estado do Ceará (JUCEC) deu início, na quarta-feira 20, ao projeto piloto de teletrabalho, que consiste na realização das atividades de forma remota e tem como objetivo contribuir para o aumento da produtividade e melhoria da qualidade de vida dos servidores. Ao todo, 10 servidores do setor de análise técnica aderiram ao projeto piloto que tem como um dos pré-requisitos o aumento de 20% na produtividade das atividades realizadas por eles, o que permitirá mais agilidade na análise de processos de registro mercantil, bem como melhorar a condição de trabalho para os funcionários.

A Secretária-Geral da Jucec, Lenira Seraine, explica como funcionará o Teletrabalho que está em sua fase piloto. “O projeto terá duração de 90 dias, período em que avaliaremos a sua execução a fim de fazer os ajustes de tempo e produção para que possamos verificar a sua efetividade, tendo como finalidade beneficiar o servidor que abraçou essa modalidade e o aumento de produtividade dos serviços prestados pela Jucec”.

Segundo a servidora Amanda Moreira, que aderiu ao projeto, a qualidade de trabalho para o servidor que traz a modalidade de teletrabalho vai refletir na produtividade do serviço prestado. “O projeto vai otimizar nosso tempo, pois gastamos algumas horas de deslocamento até a Autarquia, período que poderia ser utilizado para realizar as atividades e garantir mais celeridade na liberação dos processos. Com teletrabalho poderemos adiantar o serviço e adequar nossos horários às nossas atividades pessoais. Além disso, reduz custos para nós e para o órgão”.

Projeto Teletrabalho

Após a fase piloto, o projeto será avaliado quanto a necessidade de adequações para que seja enviada ao plenário da Autarquia a resolução acerca do teletrabalho, conforme esclarece o Supervisor do Núcleo de Assessoria Técnica, Lourenço Martins, que está na coordenação do projeto juntamente à Secretaria-Geral. “O projeto piloto será importante para que possamos verificar na prática como será o teletrabalho, adequando os detalhes sobre o projeto para a resolução final que será submetida ao plenário da JUCEC”.

Por JUCEC

 

Use o APP do Contabilidade na TV e mantenha-se informado!
Baixe para iOS.
Baixe para Android.
Baixe em HTML5.

Anúncio

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, escreva seu comentário.
Seu nome