MPEs investem em gestão financeira e buscam parcelamento de dívidas

0
154
17/01 – MidiaCult / Fenacon

Para muitas empresas que operam no vermelho, cortar gastos já não é mais suficiente. Com o início do ano e o agravamento da crise econômica, muitos empresários precisam repensar a gestão financeira de seus negócios. Reduzir o endividamento e poupar recursos será essencial para permanecer no mercado em 2017. Para auxiliar no planejamento e viabilizar a regularização de débitos, a Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Fenacon) e o Sebrae realizam o Mutirão da Renegociação.
E o primeiro passo para tentar solucionar problemas financeiros é compreender o que causou o endividamento. “É preciso construir um diagnóstico para identificar se os débitos são bancários, tributários, previdenciários ou de outra origem, para somente então buscar soluções”, destaca o presidente da Fenacon, Mario Elmir Berti.
Depois disso, no caso das Micro e Pequenas Empresas, o parcelamento tem se mostrado uma boa saída. Com a regulamentação do novo Supersimples, feita em dezembro de 2016, o prazo para pagamento de débitos com o governo dobrou, passando de 60 para 120 meses. “Por meio do Mutirão da Renegociação, muitas MPEs estão conseguindo recuperar crédito e evitar a exclusão do Simples Nacional devido à inadimplência”, explica o presidente do Sescon Goiás, Francisco Lopes.

 

Use o APP do Contabilidade na TV e mantenha-se informado!
Baixe para iOS.
Baixe para Android.
Baixe em HTML5.

Anúncio

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, escreva seu comentário.
Seu nome